quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Normas & Regras : Pior erro da HUMANIDADE!!!!


Vivemos onde não sabemos. Criamos aquilo que devemos criar. Escutamos aquilo que falamos. Andamos por que olhamos. Nem toda população é ciente do que faz. Quando nos tornamos cientes do que é viver uma vida, e até mesmo de quem somos já está tudo criado, percebemos que não devemos medir esforços, pois muitas das coisas de hoje, já estão formados. Vivemos em um grande globo que na qual, é uma prisão, englobada por vários idiomas e populações, sem ao menos saber, pois achamos que isso é legal, que tem gerações e por isso é algo certo, porém não é.

Não temos obrigações de seguir normas de culturas que passaram que na qual não estávamos presentes. Não temos obrigações de fazer aquilo que as leis nos mandam fazer. Não temos obrigações de ter conceitos diminuídos por erros de terceiros, não podemos ser impedidos de fazer certas coisas que das quais são limitações pessoais por motivo de outras gerações. Sei que, calo leitor, talvez esteja achando o meu conceito errado, porém é uma instantânea fonte de pensamentos gerados por um ser, que na qual vive em uma sociedade que engloba vários conceitos.

Pois estes fatores norma e regras foram as piores atitudes que um papel pode ter aceitado. Pois quando limitamos algum conceito devido algum erro''(supostamente classificado por uma opinião de alguém da época), deixa de fazer algo (ruim') impedindo de agir, porém alterando outros meios de agir, porém sendo a mesma tragédia, mas com atitudes diferentes. E com esse fator de limitações de uma sociedade, a própria sociedade quebra as regras e as limitações, em função de não aceitar aquilo que foi imposto por outras culturas, que das quais não se referem a esta sociedade.

Assim concluindo uma atitude julgatória que os povos que não cometem erros são limitados e observados e principalmente julgados por aquilo que de fato não aconteceu!Pois eu digo mais: Até quando vai deixar uma sociedade assim, pois se nunca colocar seu impulso sobre uma vida em que vive, será muito mais fácil papeis e relógios aceitarem aquilo que os outros não têm haver.


Autor: Aron Laubstein Moreira

Um comentário:

alan disse...

Uma das visões mais incríveis que já li sobre o mundo globalizado!
Parabéns! Continue tendo boas ideias e expondo suas opiniões, porque tenho certeza que são muito interessantes!