sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

O que é ser? Grande & pequeno!


 Muitas pessoas nos dizem que poucas coisas são tão insignificantes que nem percebem no dia a dia. Muitas delas reclamam, porém não fazem absolutamente nada para que essa situação possa ser resolvida. E acaba entrando em um mundo de dúvidas onde o Grande é pequeno e o Pequeno é o Grande!

E tudo isso nos faz parar e pensar sobre o assunto. Dentre essas dúvidas e questionamentos as pessoas acham que sabem e que estão completamente certas sobre e qualquer assunto que esteja envolvendo (Grande & Pequeno), porém estão completamente caindo em contradições. Podemos reparar que essas pessoas que dizem saber grandes coisas, são as que menos (pequenos) tendem a oferecer, pois a finalidade de ser grande já está no contexto e em um objetivismo alcançado.

Uns dos exemplos são pessoas que gostam de se exibir e dizem em ser ‘’Grandes’’. Mas se ao menos elas fossem realmente não teríamos o que argumentar, porém não são. Podemos declarar e desvendar com uma simples ideia em que a própria palavra ‘’Grande não se suporta o peso em que ela concede’’ pois a palavra ‘‘ Pequena’’ é bem maior em sílabas e tem um sentido de grandeza mesmo sendo um sentido pequenino.

E assim se torna um vínculo em que as pessoas não sabem ou não param para pensar e refletir que ser Grande não é ser Grande e ser Pequeno não é ser Pequeno, tudo envolve da maneira de não seguir a Base’’, uns dos motivos grande de uma Sociedade que é Grande, porém com suas atitudes se tornam Pequenas. E  tornando  pessoas a cada dia maior, porém por dentro pessoas pequenas de pouca utilidade em que seguem a base para poder caminhar e construir suas estradas e fazer com que as palavras Grandes se tornem realmente Grande para que de fato possa dar sentido à palavra. E o que é Ser? Grande & Pequeno! Isso é mais um passo para voltarmos na conversa acima, seria outra história em que deveria se começar.

Porém caro leitor (a), não peço que leia apenas e sim reflita realmente sobre esse tema. Pois a visão é de quem lê e não de quem faz! Pois se lembre, se não concordar comigo, é muito natural, afinal de contas o meu objetivo não é de convencê-lo e sim expandir seus horizontes! Mas caso não aceite é por que deve agir como pequeno em uma palavra grande, que faz perder o seu sentido.


Autor: Aron Laubstein Moreira

Um comentário:

alan disse...

É muito interessante o seu texto, ARON, pois grande parte das pessoas tem mania de grandeza em tudo que pensam e fazem, e não se dão conta da realidade. O conceito que "grande" parte das pessoas tem sobre tais palavras é muito ultrapassado e não se adequa com a realidade vivida.Já se dizia : Se você não apresenta uma solução você também faz parte do problema!.Uma mudança de mentalidade sobre assuntos interessantes como esse é fundamental para que o mundo em que vivemos se torne "pequeno" em ignorância e "grande" em quantidade e QUALIDADE de pensamentos e ideias!